A pele normal e saudável tem uma epiderme suave com uma camada firme, que atua como uma boa barreira à água e a danos ambientais. A cor e o tom da pele são uniformes e sem defeitos.

Componentes como o colágeno, que dá firmeza à pele; a elastina, que fornece a elasticidade da pele; e glicosaminoglicano, que mantêm a pele hidratada, são abundantes.

Uma curiosidade é que, ao microscópio, a biópsia de uma ruga não exibe sinais que a revelem como uma ruga em si. Então, o que faz com que a pele pareça enrugada?

A seguir, veremos como acontece e os tipos de rugas que são formadas.

O que são as rugas?

Rugas são as linhas finas de expressão, vincos e linhas de fadiga vistas na pele causadas por vários motivos. Enquanto as pessoas tendem a ter rugas na pele à medida que envelhecem, elas também podem desenvolver rugas na pele devido a fatores ambientais e médicos.

As rugas são classificadas em duas categorias principais: linhas finas de superfície da pele e sulcos profundos. As áreas mais comuns no rosto onde aparecem rugas, incluem: a testa, sobrancelhas, pescoço e perto dos lábios.

O que é envelhecimento intrínseco e extrínseco da pele?

O envelhecimento intrínseco é o processo natural de envelhecimento que ocorre ao longo dos anos, independentemente das influências externas. Após a idade de 20 anos, uma pessoa produz cerca de 1% menos colágeno na pele a cada ano.

Como resultado, a pele fica mais fina e mais frágil com a idade. Há também um funcionamento diminuído das glândulas sudoríparas e oleosas e menos produção de elastina. A formação de rugas como resultado do envelhecimento intrínseco é inevitável, mas sempre será pequena.

O envelhecimento extrínseco ocorre em adição ao envelhecimento intrínseco como resultado do dano solar e ambiental, uso de tabaco e exposição à poluição, por exemplo. O envelhecimento extrínseco apresenta-se como um engrossamento da pele, alterações pré-cancerosas, lesões, câncer de pele, formação de sardas e manchas solares e perda exagerada de colágeno e de elastina.

Sozinhos ou em conjunto, estes processos conferem à pele a aparência de rugosidade, tonalidade irregular, manchas escuras, pele fina e rugas profundas.

Quais são as causas mais comuns de rugas?

Veremos agora, alguns dos principais fatores causadores de rugas na pele. Prevenir-se contra eles é uma boa opção para retardar o seu aparecimento. Vejamos:

Exposição ao sol

Os raios UVA e UVB nocivos do sol penetram na pele e causam danos. Como os raios solares podem desidratar a pele e queimar as células da pele, isso acelera o processo de envelhecimento da pele desenvolvendo as rugas.

A maioria das rugas, portanto, aparece nas partes do corpo que recebem mais exposição solar. Assim, nossa pele facial tem a tendência de desenvolver o máximo de rugas por causa do dano solar.

Falta de colágeno

À medida que envelhecemos, nossa pele perde seu colágeno e elastina. Assim, torna-se mais desidratada e perde sua elasticidade. Isso faz com que linhas finas apareçam em seu rosto, pescoço e perto dos olhos.

Expressão facial

Além de vários fatores ambientais e genéticos, existem muitos outros fatores que podem causar rugas. Expressões faciais podem contrair os músculos e aumentar a aparência de linhas finas em sua pele. A aparência dos sulcos é também resultado da expressão facial demasiadamente forçada.

O processo que conduz ao aparecimento das rugas é natural. Porém, a boa notícia é que você pode atrasar esse aparecimento em alguns anos e, assim, curtir a pele firme e saudável por mais tempo.

Se você quer saber como conquistar uma pele mais jovem, baixe o nosso ebook “Máscaras cosméticas: faça você mesmo” e aprenda algumas técnicas caseiras excelentes para cuidar da pele!